Recolocação profissional: entenda o que fazer

A recolocação profissional ganhou muita força agora na pandemia, com a crise econômica que se instalou no mundo.

O número de desempregado aumentou muito e, consequentemente, a busca por novas oportunidades também.

Buscar novas oportunidades, na mesma área de atuação ou não, pode ser mais tranquilo do que parece. Sabemos que há um pouco de insegurança neste momento, mas se isso for feito com paciência, cautela e responsabilidade, logo logo você estará colhendo os bons e novos frutos!

Sabendo disso, elencamos alguns pontos que você precisa saber antes de procurar um novo emprego! Confira.

Organizar finanças evita o emprego por desespero

É certo que uma demissão desestabiliza qualquer pessoa. No entanto, é preciso ter controle neste momento e manter o equilíbrio financeiro ao máximo, por mais complexo que pareça.

Se você tem uma reserva financeira, geralmente proveniente da rescisão da antiga empresa, invista apenas no que for necessário. Também corte gastos não essenciais neste momento.

Fazendo isso, você evita dívidas. Essa ação também contribui para que você consiga analisar melhor as oportunidades de emprego que surgem nos próximos dias, evitando aceitar vagas que não sejam promissoras para a sua carreira.

Identifique seus (reais) pontos fortes e fracos

Quando você vai para uma entrevista de emprego sabendo exatamente quais são os seus pontos fortes e fracos, consegue ter mais sucesso, é fato.

Neste momento de recolocação profissional, vale muito fazer essa autoavaliação. Identificando o que precisa melhorar, dá para buscar profissionalizar-se e ter chances de contratação ainda maiores.

Uma sugestão é criar uma lista – de forma muito crítica e sincera – e apontar soluções para cada ponto fraco, assim como identificar como dá para destacar seus pontos fortes nas entrevistas.

Decida se vai permanecer na mesma área

Nunca é tarde para mudar. A recolocação profissional também abre o leque de uma mudança de carreira total para sua vida.

Aproveite este momento para refletir melhor sobre a sua trajetória profissional e os objetivos que deseja em sua carreira.

Atualize o seu currículo para a recolocação profissional

Não adianta apresentar um currículo com cursos e experiências muito antigas. Tente algo novo. Faça um curso de atualização e mostre em sua apresentação profissional o que tem de melhor para a nova empresa.

Lembre-se que currículo antigo mostra profissional desqualificado e desatualizado! Não seja esse tipo!

Não minta sobre o último emprego

Provavelmente em algum momento da recolocação profissional alguém vai questionar qual foi o motivo da demissão na última empresa.

Não precisa mentir quanto a isso. Seja sincero e, se a demissão foi por uma causa justa, conte o que você fez para melhorar o seu posicionamento desde então e como pode garantir que tal postura não se repetirá na nova empresa.

A recolocação profissional exige atenção e cuidado do profissional. Estude, frequente palestras e workshops, se atualize, sempre procure ser verdadeiro e, com certeza a sua grande oportunidade virá.

Tem algum depoimento sobre recolocação profissional que deseja compartilhar conosco? Deixe seus comentários no post!

Deixe uma resposta